Vazamento de mensagens dos bonecos gigantes de Olinda

15/06/2020

Hackeres vazam mensagens hiper-comprometedoras dos bonecos gigantes. A policia já apura o caso.

Dessa vez os hackers passaram de todos os limites: raquearam os celulares dos bonecos gigantes de Olinda.

A bonecada toda tá em polvorosa com a possibilidade de ter todas as suas conversas expostas.

Algumas mensagens trocadas pelos grandões através do TeleGrande (Aplicativo de mensagens dos gigantes), já começaram a vazar. Entre elas, uma mantida entre o Homem da Meia-Noite e a Mulher do Dia:

(Mulher do Dia): Traz pão!

(Homem da Meia Noite): Vai dar não. Já passei da padaria.

(Mulher do Dia): Marminino, tem isso não! Volte e compre! Agora diga que num vai não!

(Homem da M. Noite): Pqp tudo eu!

Outra conversa que vazou, essa super cabeluda, foi a mantida entre a Menina da Tarde e A Vaidosa.

(Menina da Tarde): Tu vais pro salão hoje?

(A Vaidosa): Vou sim! Tenho que fazer as unhas.

(Menina da Tarde): Qdo for, me chama. Preciso fazer manutenção no aplique. Os toquinhos tão tudo aparecendo.

Outro vazamento que está causando polêmica, Isso porque todo mundo pensava que A Bela do Guadalupe era cabaço, foi a mensagem trocada entre a Bela e Pérola Negra:

(Bela): Amiga, tu achas que transar emagrece?

(Pérola): Sei não. Pq?

(Bela): É que tô me achando tão magra!

Arretado mesmo está o Cornélio de Paudalho, as mensagens trocadas entre ele e O Barão de Água Preta jamais poderiam ter vazado:

(Barão): Cornélio, teu nome tem alguma relação com gaia que tu levou?

(Cornélio): Cá pra nós, tem sim. Gaia é feito consórcio, qdo a gente menos espera, é sorteado.

Temos que convir, os hackers não pouparam ninguém. Mas O Guarda Noturno e O Vigilante em Folia, responsáveis pelas investigações, já identificaram os suspeitos. São eles O Linguarudo de Ouro Preto e A Fofoqueira do Guadalupe.

Ambos passarão por audiência de custódia e serão liberados. Isso porque o vazamento das mensagens provocou muito mais risos do que transtornos. Ver menos

______


Criação: Edmilson Nascimento                                                          

Publicação original: 15/06/2019